ORDINARIUS ©2019

DESENVOLVIDO POR TATIANA AGRA

O septeto vocal e percussivo Ordinarius oferece um vasto repertório, utilizando a voz como instrumento principal e a percussão como sua perfeita combinação. Os arranjos originais e exclusivos são do maestro Augusto Ordine, diretor musical e fundador do grupo.

 

Entre os compositores cantados pelo Ordinarius estão Ary Barroso, Antônio Carlos Jobim, Vinícius de Moraes, Rosa Passos, Joyce e outros essenciais artistas brasileiros. Os arranjos vocais são a cappella ou com o auxílio de violão, cavaquinho e instrumentos percussivos variados. Ritmos brasileiros como choro, baião, samba e ijexá são visitados pelo grupo, que é um representante moderna de uma cultura brasileira atemporal. 

 

Com o repertório do primeiro CD, considerado pelo site “O Embrulhador” como um dos melhores discos de música brasileira do ano de 2012, realizaram shows em diversos espaços no Brasil e na Europa. 

 

O show do segundo CD, “Rio de Choro”, viajou dezenas de cidades brasileiras, além de ter sido apresentado nos festivais Auvernier Jazz Festival, na Suíça e Asunción a voces, no Paraguai, em 2017. 

 

Com o terceiro projeto, "Notável", uma homenagem a Carmen Miranda, o grupo foi indicado ao Prêmio da Música Brasileira como Melhor grupo de MPB e realizou shows no Brasil e no exterior. Em 2018 participou do festival "Alfredo de Saint Malo", no Panamá. Em 2019 foi a vez de realizar turnê por 10 diferentes cidades dos EUA e 23 no Japão,  e participar de dois festivais na França (“Choralies” e “Durance Luberon”).  

 

Nos últimos anos, além dos shows frequentes, o grupo estreita sua relação com o público através das redes sociais, tendo como mote os projetos audiovisuais elaborados para circulação na internet. Contando apenas com o esforço dos integrantes do grupo e com colaborações e parcerias conquistadas ao longo dos anos, o trabalho do Ordinarius vem sendo realizado de forma a privilegiar a música e a cultura brasileira, conquistando um espaço de destaque independente da mídia tradicional.